Vá diretamente para a pesquisa Vá diretamente para a lista de A a Z Vá diretamente para a navegação Vá diretamente para as opções de página Vá diretamente para o conteúdo do site

Transmissão e riscos

Este site é atualizado com frequência, no entanto, alguns conteúdos podem ser exibidos em inglês até que sejam traduzidos.

Pelas picadas de mosquito

O zika vírus é transmitido às pessoas principalmente pela picada de um mosquito infectado da espécie Aedes (Ae. aegypti e Ae. albopictus). Esses são os mesmos mosquitos que transmitem os vírus da dengue e chikungunya.

  • Os mosquitos normalmente põem ovos em água parada ou próximo a ela, em locais como baldes, bacias, pratos de animais, potes e vasos de flores. Eles preferem picar pessoas e vivem em ambientes fechados e ao ar livre perto de pessoas.
    • Os mosquitos que transmitem chikungunya, dengue e zika picam agressivamente durante o dia, mas também podem picar à noite.
  • Os mosquitos são infectados quando picam uma pessoa já infectada pelo vírus. Os mosquitos infectados podem então transmitir o vírus a outras pessoas por meio de picadas.

Da mãe para a criança

  • Uma mulher grávida pode passar o zika vírus para o feto durante a gravidez. O zika é a causa de microcefalia e outros defeitos cerebrais graves do feto. Estamos estudando a gama total de outros problemas de saúde potenciais que a infecção pelo zika vírus pode causar durante a gravidez.
  • Uma gestante infectada pelo zika vírus pode transmitir o vírus ao feto durante a gravidez ou próximo ao momento do parto.
  • Até o momento, não há relatos de crianças infectadas pelo zika vírus por aleitamento materno. Em função dos benefícios do aleitamento materno, recomendamos às mães amamentarem mesmo em áreas com risco de zika.

Pela relação sexual

  • O zika pode ser transmitido pela relação sexual de uma pessoa com zika para os seus parceiros ou parceiras. O zika pode ser transmitido pela relação sexual, mesmo que a pessoa infectada não apresente sintomas no momento da relação. Saiba como se proteger durante a relação sexual.
    • Ele pode ser transmitido de uma pessoa com zika antes de se iniciarem os sintomas, enquanto a pessoa apresenta os sintomas e depois que os sintomas desaparecem.
    • Apesar de não ser bem documentado, o vírus também pode ser transmitido por uma pessoa que carrega o vírus, mas nunca desenvolve sintomas.
  • Há estudos em andamento para descobrir por quanto tempo o zika permanece no sêmen e nos fluidos vaginais das pessoas contaminadas e por quanto tempo ele pode ser transmitido aos parceiros sexuais. Sabemos que o zika pode permanecer no sêmen por mais tempo do que em outros fluidos corporais, inclusive os fluidos vaginais, urina e sangue.

Pela transfusão de sangue

  • Até o momento, não há casos confirmados de transmissão por transfusão de sangue nos Estados Unidos.
  • Há vários relatos de casos de transmissão por transfusão de sangue no Brasil. Esses relatos estão atualmente sendo investigados.
  • Durante o surto na Polinésia Francesa, 2,8% dos doadores de sangue tiveram resultados positivos para zika e, em surtos anteriores, o vírus foi encontrado em doadores de sangue.

Pela exposição ao ambiente de laboratório e de cuidados de saúde

  • Antes do surto atual, houve quatro relatórios de infecções por zika vírus adquiridas em laboratório, embora a rota da transmissão não tenha sido claramente estabelecida em todos os casos.
  • Desde 15 de junho de 2016, houve um relato de caso de doença causada pelo zika vírus adquirida em laboratório.
  • Até o momento, não foi reportado nenhum caso confirmado de transmissão do zika vírus em ambientes de cuidados de saúde nos Estados Unidos. Existem recomendação disponíveis aos profissionais de saúde para ajudar a prevenir a exposição ao zika vírus em ambientes de cuidados de saúde.

Riscos

  • Qualquer pessoa que viva ou viaje para uma área com zika e ainda não tenha sido infectada pelo zika vírus pode contrair a doença por meio de picadas de mosquito. Depois que uma pessoa é infectada, ela provavelmente fica protegida contra infecções futuras.
INÍCIO